Marketing de vídeo on-line

Marketing de vídeo on-line

Você está atualmente fazendo marketing de vídeo online? Se não, é algo que você deveria estar fazendo. O marketing de vídeo é uma delícia e pode gerar muito tráfego grátis para você. Algumas pessoas ficam intimidadas com a ideia de criar vídeos e fazer marketing online, mas você não precisa ter medo. Em algum momento, você precisará implementá-lo em sua estratégia de marketing.

De longe, o site de vídeo online mais popular para marketing é o YouTube. Mas existem outros, como: Metacafe, Vimeo, Dailymotion e muito mais. Isso deve ser muito mais fácil para você se você não for bom em escrever conteúdo para o seu site. Para algumas pessoas, falar é uma maneira mais fácil de comunicar suas ideias – em vez de escrevê-las. Tudo o que você precisa fazer é ficar na frente de uma câmera e expressar suas ideias.

Quero examinar algumas maneiras de fazer marketing de vídeo online. Você vê comerciais na TV o tempo todo e deve entender que isso não é diferente de ter vídeos online. Algumas pessoas se tornaram muito famosas e incrivelmente ricas apenas com o marketing de vídeo. Na verdade, esta é a base dos negócios de algumas pessoas. Se você conseguir acertar uma coisa, poderá obter um tráfego infinito nos próximos anos. Esta é a primeira maneira de fazer marketing de vídeo online:

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.

1) Envie vídeos para sites de vídeo populares


Algumas pessoas os chamam de “diretórios de vídeo”, mas gosto de rotulá-los como sites de vídeo. São os mesmos sites como YouTube, Vimeo, Metacafe e Dailymotion. Como eu disse, há muito mais do que isso que pode ser altamente eficaz para você. Além disso, você não terá tanta concorrência. E muitos desses sites têm boas classificações nos motores de busca. Cabe a você colocar seu conteúdo nesses sites.

Ao enviar seu vídeo, certifique-se de ter uma maneira de permitir que as pessoas voltem ao seu site. Você pode incorporar um URL de visualização na parte inferior do seu vídeo e/ou colocar seu URL na área de descrição do seu vídeo. De qualquer forma, certifique-se de que seja visto, porque se alguém gostar da sua informação, vai querer mais. Portanto, dê a eles uma maneira de obter mais informações suas de maneira simples e fácil.

Criar o vídeo é incrivelmente fácil. Hoje em dia as pessoas simplesmente usam o recurso de câmera do smartphone para criar seus vídeos. Mas se você quiser fazer isso profissionalmente, talvez queira investir em algum equipamento de câmera real. As pessoas que estão ganhando muito dinheiro, é nisso que investem. Algumas pessoas têm iluminação, backdrops, filmadoras, microfones e muito mais. Pode parecer excessivo, mas seus vídeos são ótimos e os espectadores gostam.

Para você, você pode querer começar simplesmente com um tripé e uma câmera de vídeo do Walmart. É simples. Tudo que você precisa é de uma pequena câmera que possa capturar seu rosto (ou todo o seu corpo, se preferir) e então começar a falar o que quer. A filmadora que comprei para mim custou apenas US$ 100. Isso é barato e é ainda mais barato hoje em dia com a popularidade do recurso de câmera nos smartphones. Não importa o que você escolha, certifique-se de criar o vídeo e colocá-lo nos sites de vídeo. Apenas o ato de fazer upload para esses sites gerará visualizações e tráfego de volta para seu site. Aqui está outra dica para marketing de vídeo online:

2) Incentive os espectadores a curtir, compartilhar e se inscrever

Esta etapa é crucial. Para obter distribuição gratuita de seus vídeos automaticamente, faça com que as pessoas curtam, compartilhem e se inscrevam em seu canal. Quando as pessoas gostam dos seus vídeos, isso indica que você tem um ótimo conteúdo, e este é um ótimo vídeo. Quando as pessoas compartilham seus vídeos, você obtém distribuição e publicidade gratuitas. Quanto mais pessoas compartilharem seus vídeos, mais visualizações você terá, mais pessoas se inscreverão em seu canal e mais tráfego você retornará para seu site.

Ter pessoas assinando seu canal é essencial. Cada vez que você postar um novo vídeo, quando eles fizerem login no site de vídeos, eles verão seu novo conteúdo, clicarão nele e verão o que você tem a dizer. Isso significa mais publicidade gratuita e mais tráfego gratuito para seu site. Com mais inscritos, você terá uma quantidade consistente de espectadores voltando para ver seus vídeos. Isto é essencial.

Se você conhece o marketing por email, tenho certeza que sabe que o dinheiro está na lista. Da mesma forma com o marketing de vídeo, você poderá obter uma quantidade consistente e previsível de visualizações de seus vídeos o tempo todo com muitos inscritos. Aqui está outra dica para fazer marketing de vídeo online:

3) Otimize seus vídeos para os motores de busca

Obviamente, os mecanismos de pesquisa não conseguem decifrar as palavras que você diz em seus vídeos, mas podem ler o título, a descrição e as tags que você coloca. No título dos seus vídeos, certifique-se de inserir a palavra-chave principal – de preferência no início. Além disso, mencione isso na descrição dos seus vídeos e também na seção de tags do vídeo. Isso é importante por alguns motivos.

Como você já sabe, com a otimização de mecanismos de pesquisa, as pessoas que digitam uma palavra-chave específica provavelmente verão resultados de pesquisa que contêm esse termo de palavra-chave. É a mesma coisa com marketing em sites de vídeo. É mais fácil classificar em sites de vídeo do que no Google. E mesmo que o YouTube seja propriedade do Google (e seja considerado o segundo maior mecanismo de busca da internet), ainda é fácil obter tráfego para o seu conteúdo a partir deste site. E o mesmo se aplica a outros sites de vídeo online.

O marketing de vídeo online é essencial para o seu crescimento e lucratividade. Essa estratégia de tráfego pode trazer tráfego e lucratividade infinitos nos próximos anos. Então, se você não está fazendo marketing de vídeo agora, é hora de fazê-lo – começando hoje. A maioria das pessoas não descobre isso até que seja tarde demais. Não seja uma dessas pessoas.

Gostou? Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Email

O SERP do Google é a página de resultados que aparece quando você faz uma pesquisa no Google. Ele exibe uma lista de resultados relevantes, incluindo resultados orgânicos, anúncios pagos, trechos em destaque, informações do Knowledge Graph, Google Shopping e outros elementos úteis para os usuários. A ordem dos resultados é determinada pelo algoritmo do Google, com base em fatores como relevância e qualidade do conteúdo.

O SERP do Google, ou Página de Resultados do Motor de Busca, serve para apresentar uma lista de resultados relevantes aos usuários quando eles realizam uma pesquisa no Google. Ele exibe os links para sites, imagens, vídeos, respostas rápidas e informações adicionais relacionadas à consulta do usuário.

O SERP é essencial para que os usuários encontrem respostas para suas perguntas, descubram informações relevantes, localizem produtos e serviços e acessem conteúdo útil na internet. Além disso, o SERP também é uma ferramenta importante para empresas e profissionais de marketing, pois é onde os resultados orgânicos e os anúncios pagos são exibidos, possibilitando a promoção de seus produtos e serviços para potenciais clientes. Em resumo, o SERP do Google é uma parte fundamental da experiência de pesquisa online, ajudando a conectar usuários e informações de forma eficiente e relevante.

Para utilizar o SERP (Página de Resultados do Motor de Busca) do Google de forma eficaz, siga as seguintes dicas:

  1. Faça uma Pesquisa Adequada: Insira palavras-chave relevantes que descrevam o que você está procurando. Quanto mais específica for a sua pesquisa, mais precisos serão os resultados.

  2. Analise os Resultados Orgânicos: Observe os links listados como resultados orgânicos, pois eles são considerados relevantes pelo algoritmo do Google. Verifique as descrições para encontrar a informação mais adequada.

  3. Avalie os Anúncios Pagos: Os anúncios pagos são identificados com a etiqueta “Anúncio”. Selecione aqueles que correspondem à sua pesquisa e consideram confiáveis.

  4. Explore os Rich Snippets: Se existirem trechos em destaque, eles podem fornecer informações adicionais importantes. Clique neles para obter detalhes adicionais.

  5. Utilize o Knowledge Graph: Se o Knowledge Graph fornecer informações relevantes sobre sua pesquisa, confira-o para obter respostas rápidas e precisas.

  6. Verifique o Google Shopping: Se você estiver procurando produtos, confira a seção do Google Shopping para encontrar imagens, preços e lojas onde podem ser comprados.

  7. Explore as Perguntas Frequentes: Se houver perguntas frequentes relacionadas à sua pesquisa, clique nelas para obter respostas rápidas.

  8. Refine sua Pesquisa: Se não encontrar o que está procurando, tente ajustar suas palavras-chave ou usar operadores de pesquisa para refinar os resultados.

  9. Considere a Personalização: Lembre-se de que os resultados do SERP podem ser personalizados com base em seu histórico de pesquisa e localização.

  10. Avalie a Fonte dos Resultados: Ao clicar em um link, verifique a fonte para garantir que seja confiável e segura.

Lembrando que o SERP é projetado para fornecer informações relevantes, mas nem sempre o primeiro resultado é o mais adequado. Sempre verifique várias fontes antes de confiar em qualquer informação encontrada no SERP do Google.

Deixe um comentário

Saiba mais!